domingo, agosto 12, 2007

Centenário de Miguel Torga!


Miguel Torga nunca deu importância aos prémios e às condecorações. Quem conhece a vida e obra de um dos escritores mais fantásticos que este País já conheceu, sabe-o bem. Em pleno Agosto, em que os portugueses estão a banhos, o homem de «Os Bichos» é lembrado hoje, no dia em que se comemora o centenário do seu nascimento.
Adolfo Correia Rocha — a pergunta que os sábios fazem sempre aos aprendizes como eu, em jeito de rasteira — é hoje lembrado em Coimbra, a cidade que fez do coração deste transmontano um homem maior da literatura portuguesa.
É lamentável que nenhum membro do Governo que se diz socialista estivesse presente na cidade dos estudantes para o elogiar. Torga não precisa de políticos «mal agradecidos». Torga não quer que o lembrem de forma «obrigatória». Porque Torga, esteja ele onde estiver, sabe bem que estes governantes são passagem efémera e «ignorante» no Portugal — cada vez mais pequenino — que temos.

P.S. - Bastou Alegre em Coimbra. Não precisamos da ala direita do Partido Socialista.

Sem comentários: