terça-feira, maio 29, 2007

Não sei que titalo pôr

Bom, em primeiro lugar, Marco, mais uma vez, PARABÉNS! Agora, quando é que nos apresentas a cobaiazinha? E, concordo com a Ruthia, POR AMOR DE DEUS, NÃO O VICIES EM COMPUTADORES! Já basta o pai, hã???? E a mãe também só aguenta com um! ;-)

Concordo com essa de marcarmos um dia para irmos buscar os diplomas. Deve ser a melhor desculpa de sempre pró pessoal beber uma mines e apanhar uma bubadeira! O que vale é que eu não gosto de álcool! ;-P

Ginga, tens que me explicar essa conversa, Ginga. Não percebi, Ginga, o que quiseste dizer com isso, Ginga! E, olha, Ginga, estou a falar a sério, Ginga! O meu nome, Ginga, é pequenino, mas também se gasta, Ginga. Mas, Ginga, fora de brincadeiras. Eu prometo-te, Ginga, que vou aí entretanto, Ginga. E sabes uma coisa, Ginga? Já consigo escrever o teu nome sem olhar para o teclado, Ginga! E sabes outra coisa, Ginga? Já olhei tantas vezes para o teu nome que já me parece esquisito... ... ... Ginga!!! ;-)

Bom, de resto... Qual resto?... Lamento, mas nada de novo. A não ser a minha sobrinha que já consegue imitar os animais. Até um coelho já faz! Mas ainda não chama pela tia...

Espero que esteja tudo bem com todos.

Beijocas grandes

1 comentário:

João P. disse...

Tixinha, afinal parece que aquilo dos jornais foi engano... a lista tinha tudo, para ti eram só os de Santarém.
Dissseram-me que explicaram isso a quem veio cá buscar. Pronos, é só isso.